Nossa História

Em setembro de 1935, um jovem professor e acadêmico de Direito, com apenas 21 anos, começou a viver um sonho de educação. Naquele mês, o Professor Edilson Brasil Soárez iniciava sua obra com apenas dois alunos, em uma sala cedida pela Igreja Presbiteriana de Fortaleza.

 

Durante 40 anos, o Dr. Edilson, voltado para seu objetivo maior - preparar para a vida jovens cearenses - buscou os melhores professores, analisou cada detalhe do funcionamento e participou pessoalmente de todos os eventos da Escola. Com esses esforços, organizou o Colégio como um estabelecimento escolar padrão, onde seus alunos recebiam uma sólida formação curricular, em um ambiente de disciplina e respeito.

 

Em 1946, o Dr. Edilson, então já um dos nomes mais conceituados da Educação do Ceará, com dinamismo e fé em Deus, duas de suas principais características, mudou a sede do Colégio para a Av. do Imperador, 1330 onde, até hoje, funciona a sede Nila Gomes de Soárez (NGS).

 

Em 1975, faleceu o Dr. Edilson. A sua morte suscitou, além de um grande vazio, uma dúvida sobre o futuro do Colégio 7 de Setembro. A resposta não tardou. Sua esposa, Profª. Nila Gomes de Soárez, juntamente com seus filhos, Ednilton e Ednilze, entenderam que a maior homenagem a prestar ao inesquecível mestre seria continuar a sua obra. A aliança estabelecida entre a família Soárez, professores e demais colaboradores, em grande parte ex-alunos, foi e continua sendo o ponto-chave do sucesso do 7 de Setembro.

 

A década de 90 trouxe a expansão da infra-estrutura escolar. Em 1993, foi inaugurada na Aldeota a sede Edilson Brasil Soárez (EBS). Em 1994, decidiu-se pela construção de uma segunda sede no centro da cidade, denominada Diplomata Ednildo Gomes de Soárez (EGS), onde passaram a funcionar o Ensino Médio e o Pré-Universitário. Em 1998, realizou-se a modernização da sede NGS e a inauguração do Centro de Desenvolvimento Educacional (CDE), em Pajuçara. Em 2000, nasce a FA7 - Faculdade 7 de Setembro.

 

Entre 1990 e 2005, a família Soárez, numa demonstração de comprometimento com o ideal dos fundadores, incorporou à equipe gestora Ednilo e Ednísio Gomes de Soárez, filhos de Edilson Brasil Soárez, e Edilson, Alessandra e Henrique, seus netos.

 

O ano de 2005 foi marcado por vitórias e também duras perdas. Em julho, a FA7 colou grau das suas primeiras turmas de Pedagogia e Administração. As celebrações dos 70 anos de existência do Colégio 7 de Setembro foram interrompidas quando, em um intervalo de 29 dias, faleceram Ednísio, engenheiro responsável, dentre outros, pela construção do CDE, e Nila, principal responsável pela continuação da obra do Dr. Edilson.

 

Em outubro de 2006, teve início a reescrita do Projeto Político Pedagógico (PPP). Sob a orientação da Profª. Estrêla Fernandes, a comunidade escolar investiu 2 anos de trabalho para discutir e estabelecer as diretrizes pedagógicas da escola para os anos seguintes. Além de definir os rumos para o futuro, a comunidade setembrina emergiu, em dezembro de 2008, fortalecida pelos momentos de estudo e entrosamento proporcionados pelos trabalhos de articulação do PPP.

 

No ano de 2007, o 7 de setembro inaugurou o Núcleo de Educação Infantil da sede Aldeota (EBS), composto de equipamentos como: piscina semiolímpica, campo de futebol society, espelho d'água para atividades aquáticas, fazendinha com animais, e a Vila Sabidinho que reproduz os espaços de um supermercado, um salão de beleza e um consultório.

 

Durante 2008, o Colégio inovou com a introdução do Sistema de Tempo Integral Bilíngue na sede da Aldeota. Neste mesmo ano, a FA7 foi confirmada pelo MEC, pelo 3º ano consecutivo, como a melhor faculdade do Ceará (segundo resultados no ENADE e no IGC) e o Instituto FA7 consolidou-se como referência cearense em estudos da gestão empresarial, através de parcerias com o COPPEAD, a PUC-SP, entre outras.

 

Em 2011, foi inaugurado o 1º Laboratório de tablets do Ceará, como ferramenta para os alunos desenvolverem suas atividades pedagógicas.

 

O ano de 2013 iniciou com a reforma das fachadas das sedes Centro (NGS) e Aldeota (EBS), seguida do lançamento do High School no colégio. O programa é uma parceria com a Texas Tech University e oferece aos alunos a oportunidade de receber também o diploma do ensino médio norte-americano. O 7 de Setembro conquistou o 1º lugar do ENEM entre os colégios particulares no Ceará, resultado do esforço e dedicação de nossos pré-universitários e professores.

 

No ano seguinte, 2014, ainda celebrando as conquistas recentes, o C7S reforçou o seu compromisso de fazer parte de cada etapa da vida do aluno, inaugurando o Berçário dos Sabidinhos na Sede Aldeota (EBS), para receber bebês a partir de 4 meses. Pelo segundo ano consecutivo, o 7 de Setembro foi 1º lugar do ENEM no Ceará, consolidando ainda mais a qualidade de seu ensino, construída ao longo de sua história.

 

Uma história de 8 décadas em 2015, ano festivo marcado pela inauguração do Berçário dos Sabidinhos na Sede Centro (NGS) e uma série de eventos para comemorar o caminho de sucesso percorrido até aqui.

 

Em 26 de dezembro de 2016, a Faculdade 7 de Setembro (FA7), após 16 anos de atuação e compromisso com a educação superior no Brasil, torna-se Centro Universitário 7 de Setembro, UNI7, conquistando autonomia para criar e desenvolver cursos e programas de educação superior que apoiem o aluno na construção de seu futuro, potencializando seu crescimento pessoal e profissional, e combinem de forma inovadora, excelência acadêmica e prática além da sala de aula.

 

As conquistas da Educadora 7 de Setembro ao longo desses anos reafirmam seu ideal de oferecer à sociedade uma educação de qualidade, que forma cidadãos participativos e solidários e que, primordialmente, valoriza o potencial de cada um dos seus alunos.